Arquivo

Textos com Etiquetas ‘espirito’

LÉON DENIS, EMMANUEL E AS ALMAS GÊMEAS.

4, maio, 2012 2 comentários

Disse Kardec em O Livro dos Espíritos, 202: “Os espíritos encarnam-se homens ou mulheres, porque não têm sexo. 

Como devem progredir em tudo, cada sexo, como cada posição social, oferece-lhes provas e deveres especiais, e novas ocasiões de adquirir experiências.

“Aquele que fosse sempre homem, só saberia o que sabem os homens”. 

E mais, 303-a:
Leia mais…

DEFINITIVAMENTE, O ESPIRITISMO EXPLICA TODOS OS EVENTOS ÓVNIS

7, fevereiro, 2012 36 comentários

Pode parecer pretensão o título acima, porém, vamos dirimir, começando com o histórico da minha vivência nestes dois assuntos, Espiritismo e Ufologia. Na década de setenta tive o primeiro contato com o Livro “Eram os Deuses Astronautas?” do Escritor e Pesquisador Suíço Erich Von Däniken. Nesta época estávamos em plena guerra fria entre os EUA e a União Soviética, onde os dois lados não davam informações sobre Óvnis. Pelo fato de entenderem que poderiam ser máquinas de guerra de um lado ou do outro. E assim, ficamos com a impressão que havia negação de informação e em consequência, uma enxurrada de teorias de conspirações invadiu as mídias principalmente através dos livros.

Nas décadas seguintes não mudou muito e as revistas Ufos. fizeram sucesso, além da revista Planeta e alguns autores de assuntos correlacionados como J.j. Benitez, C.r.p. Wells, Jacques Bergier, etc. hoje têm muitos pesquisadores que tratam os mesmos assuntos com outra visão, graças ao desenvolvimento da tecnologia e as últimas descobertas da astrofísica, biologia, antropologia, arqueologia e outras disciplinas que acrescentam informações para corroborar as ideias sobre ufologia.

No inicio dos anos noventa, comecei  estudar o Espiritismo de forma sistemática, depois de ler diversos autores, procurei na fonte, que é Allan Kardec e sua obra fundamental, formada por vinte e um livros e assim, passei a estudar o Espiritismo em conjunto com a Ufologia e pude depois de várias décadas,  chegar a alguma conclusão que a cada dia que passa se torna mais clara, devido às pesquisas que são feita em todo o planeta na tentativa de explicar o fenômeno UFO.

Leia mais…

Por que este Blog tem o nome “ESPIRITO VERDADE”.

6, fevereiro, 2012 Sem comentários

Em João 14:6 “Eu sou o caminho, a Verdade e a vida”, este diálogo de Jesus com os Apóstolos nos traza definição de que ele era a Verdade. Infelizmente, a Bíblia não é totalmente confiável e depois de várias traduções e mudanças não permissíveis, nos chegou o que podemos chamar de retalhos e muita confusão nas interpretações dos textos. Um desses erros de tradução é o termo“Spiritum veritatis”do Latim para“Espírito da Verdade”em várias línguas.Allan Kardec utilizou a Bíblia de SACI em suas referencias e seguiu o mesmo marco.

Há também, a questão se na Codificação, o Espírito da Verdade era Jesus, muitos dizem que não, por levar em consideração o texto Bíblico João 14:16-17 “… e rogarei ao Pai e ele vos dará outro Paráclito, para que convosco permaneça para sempre, o Espírito da Verdade…” desta forma entre a Bíblia e as afirmativas de Kardec, fico com ele. Entre as várias afirmativas positivas nas revistas Espíritas, Livros dos Médiuns e outros, há uma que não deixa dúvidas eque Allan Kardec tinha certeza, ou seja, Jesus é o ESPIRITO VERDADE.

Leia mais…

Como se processa as relações mediúnicas entre o espírito e o médium?

5, fevereiro, 2012 2 comentários

As pesquisas de Kardec levaram a uma conclusão definitiva: há um processo de indução entre o espírito e o médium. As vibrações psíquicas do espírito, irradiadas do seu corpo energético, atingem o corpo energético (o perispírito) do médium, estabelecendo-se a empatia entre ambos. A indução é tão forte que os pensamentos e as emoções do espírito refletem-se no comportamento mediúnico. A personalidade do espírito domina a do médium, assenhoreando-se dos centros nervosos dirigentes. A metamorfose passageira, se o médium e bastante sensível e flexível, modifica até mesmo as suas expressões faciais e corporais, a voz, o olhar, permitindo uma comunicação total do pathus individual do espírito. Há casos de transfiguração em que até mesmo defeitos do morto aparecem no médium. Nos casos de espíritos doentes os sintomas da doença são transferidos para o médium durante a comunicação. Não se trata de simples sugestão hipnótica, mas de ação fluídica (vibratória) intensiva, que empolga os comandos do organismo mediúnico. Caringthon se refere a interferências mentais do espírito nas zonas corticais do médium, provocando focos de disritmia cerebral durante o transe, o que foi comprovado pelo eletroencefalograma. Soal e Price, de Londres e Oxford, admitem a ação mental do espírito sobre a mente do médium. Jung entende que o processo é mais complexo, implicando uma relação simpática entre o espírito e o médium, segundo os termos da sua teoria das coincidências significativas. Como se vê, os cientistas atuais confirmam, com as naturais variantes individuais, a proposição de Kardec. Tudo se passa no plano das emissões energéticas, das conotações por afinidade psicológica, das relações naturais, entre dois dínamo-psiquismos (segundo a expressão de Gustave Geley) aptos a um processo indutivo no campo energético. Os soviéticos não penetram nessa questão perigosa, mas estudam e investigam os processos telepáticos, admitindo a existência de correntes eletromagnéticas entre os cérebros humanos e até mesmo entre animais para transmissão de pensamentos e estímulos energéticos a pequena ou grande distâncias. A descoberta do corpo-bioplásmico, que provocou reações políticas na URSS, em virtude da ameaça que essa novidade representa para a ideologia estatal. resolve o problema da fonte dos fenômenos mediúnicos. E essa fonte coincide perfeitamente, na estrutura e nas funções, bem como em sua constituição física, com o perispírito de Kardec. Diante dessa situação do problema nas Ciências atuais, como negar a validade da Ciência Espírita e sua atualidade Flagrante?

Livro    “O ESPIRITO E O TEMPO”       IV PARTE- CAPÍTULO II
J. Herculano Pires

Há órgãos no perispírito ?

2, fevereiro, 2012 2 comentários

A resposta é, depende das circunstâncias. O espírito encarnado, este sim possui todos os órgãos no seu perispírito (simular energético e não órgãos propriamente dito)  porque como se sabe ele se liga ao corpo célula a célula.

As operações espirituais são feitas pelos médicos espirituais no perispírito do encarnado. Ao desencarnar  ele mantém mentalmente os seus órgãos (simular energético) enquanto perdurar as sensações da vida terrena, lembrando também que as doenças morrem  com o corpo ficando apenas a lembrança do sofrimento (Allan Kardec Revista Espírita).

Após haver passado esta fase de perturbações, não faz o menor sentido os órgãos para o espírito uma vez que ele não tem mais nenhuma necessidade física ( não come, não bebe, não dorme tec..). Ao reencarnar o espírito molda  o seu corpo físico através do seu perispírito de acordo com as suas necessidades e condições, mas os órgãos são “doados” por assim dizer, pelos pais.

O corpo procede do corpo disse Jesus.

Esta é a minha opinião pessoal baseada em estudos da codificação.